• Shock Wave News

Aborto, a verdadeira pandemia.

Segundo o site worldometers.info, o maior site de registros de dados em tempo global, o último segundo de 2020 registrou o horripilante número de 42.673.289 assassinatos de nascituros.


O aborto, termo utilizado para amenizar a maior praga do mundo, é sem dúvida alguma o maior problema que a humanidade enfrenta.


Rudolph Joseph Rummel, cientista político norte-americano que pesquisava o número de mortos em guerras, estimou que durante o século XX, cerca de 212 milhões de pessoas morreram. Segundo ele, 148 milhões mortas por regimes comunistas entre 1917 e 1987. Também chegou ao total de 41 milhões de mortes em guerras internas e externas durantes o séculos passado.


Parece muito, não é? Agora imagina em um único ano mais de 42 milhões de bebês inocentes e indefesos assassinados no ventre de suas "mães"?


Você jamais irá ouvir esses números na grande mídia, que trata o aborto como um direito e não como assassinato.


Precisamos lutar contra a verdadeira pandemia: o aborto. Por isso, a Shock Wave News começa este ano a nova série de artigos sobre a verdadeira face da cultura da morte:





Ao longo do ano, convidados e colunistas da Shock Wave News publicarão artigos sobre o tema e trarão pra você, informações extremamente necessárias para entender a cultura da morte e lutar contra ela.