• Shock Wave News

As ciências Ocultas de Faraó

Por Luis FB


O diabo é um velho repetidor dos seus próprios princípios. Ele sabe que leva certa vantagem em grande parte por conhecer a índole humana através de milênios.


Para que nós também não acumulemos conhecimento histórico de geração em geração é que ele, assim como vemos acontecer através do pensamento revolucionário comunista, tenta a todo custo refazer a história distorcendo os fatos para que não haja boa interpretação do passado e não possamos aplicar em nossas vidas as lições aprendidas e nos espelhemos nos homens de bem que aqui viveram antes de nós.


Ao comparar os tempos de hoje com o livro de êxodo da Bíblia percebemos um claro desejo de satanás tipificado ali por faraó, no intuito de anular a expressão do homem, o sexo masculino que é em sua essência a representação de Cristo. Para isso planta com todas as suas forças a ideologia de gênero, levando-os até mesmo a pedirem perdão por serem homens nos canais mais endemoniados de TV.


Da mesma forma que Faraó mandou matar os filhos hebreus do sexo masculino naquela época, hoje, quando o aborto já não elimina a criança, se nascer, será bombardeada por doutrinação gramicista, possível abuso e gayzismo na máxima tentativa de desfigurar a sua identidade.


Por outro lado toda intransigência e dureza de coração dos governantes nos tempos atuais estão representados claramente também no livro de Êxodo através de faraó cuja confiança estava nas "ciências" dos egípcios da mesma forma que fazem hoje muitas autoridades e demais pessoas.


Estamos todos sentindo a pressão dos acontecimentos atuais, pois passamos sem dúvida por circunstâncias nunca antes tão aterrorizadoras, não apenas por causa de um vírus porque convivemos com eles desde a queda do homem, mas pela fácil obediência da maioria das pessoas aos tiranos impositores do medo à sociedade numa clara orquestração terrorista oportunista e irracional.


São dias difíceis porque vemos a corrupção das bases da sociedade judaico-cristã por ideias progressistas de libertinagem, anarquia e inversão de valores.


São dias aterrorizadores não por que não tenhamos profissionais brilhantes e competência da maior parte do corpo médico nacional que possam nos ajudar a combater essa doença, mas porque as autoridades se negam a ouvi-las e as pessoas idolatram essas autoridades.


São dias estarrecedores porque assistimos inconformados às medidas autoritárias e genocidas de confinamento indiscriminado de pessoas e fechamento de comércio sendo tomadas em diversas partes do mundo.


Mas não, Deus não está mandando pragas contra a humanidade como fez com faraó rei do Egito por causa da sua maldade, nem castigando o mundo por causa de seus muitos pecados, isso ele o fez em Cristo Jesus.


Porque será então que estamos passando por estas aflições?


Respondendo de uma forma mais baseada na "ciência", já que muitos têm adorado esta palavra atualmente, estamos passando por estas aflições por causa da segunda lei da termodinâmica:


O que!?


Simples.


É a entropia. Ela diz que no universo tudo se move de um estado organizado para o desorganizado. É por isso que o seu tênis depois de um tempo de uso fica velho e não mais novo, simples assim. (créditos para Dr. Adauto Lourenço, acesse o seu canal no YouTube).


Coloque agora sob influência da entropia todo mundo material que a sua mente for capaz de imaginar inclusive o seu próprio corpo.


Pronto, agora você já sabe que do ponto de vista natural o ser humano está condenados à degradação não apenas individual, mas também coletiva.


Considerando também sob a mesma ação desvirtuadora, todas as suas atividades, calcadas na sua, muito embora imaterial, alma que também correlatamente vai se desfigurando e afastando-se da semelhança do criador, contaminando todas as instituições e organizações da terra.


Por outro lado, do ponto de vista metafísico temos o consolo de haver um Deus tão bondoso quanto não se pode compreender com a mente.


Humilde ao ponto de se fazer homem, poderoso ao ponto de continuar sendo Deus.


A boa notícia é que Ele não perdeu a sua soberania, nem quando Adão pecou, nem quando Abraão pecou, nem quando Moisés pecou e nem quando todos os outros homens e mulheres pecaram, pelo contrário, onde o pecado abundou superabundou a graça!


A genealogia de Jesus relatada no evangelho de Mateus apresenta prostitutas, adúlteros e homicidas.


Não que busquemos pecar para que a graça nos seja mais abundante, mas que tal confiança temos no caráter de Deus ao ponto de descansarmos no fato de ele ser fiel e justo para nos perdoar e purificar de toda injustiça.


Desta maneira, nestes tempos espantosos no qual vivemos, guardadas as devidas proporções, assim como no êxodo dos hebreus sinais terríveis foram vistos, agora também vemos coisa semelhante, não mais em pragas como as enviadas por Deus contra faraó, mas nessa moléstia agora enviada de faraó contra o mundo.


Ele, o diabo, ainda se arrasta moribundo furioso contra Deus e contra o ser humano a quem odeia.


As suas marionetes governantes deste mundo estão esticando a corda e dobrando a aposta nas suas ciências ocultas, mas não tenha medo.


Não temais os que matam o corpo, mas não têm poder para matar a alma. Temei antes, aquele que pode destruir no inferno tanto a alma como o corpo.


É claro que Jesus não deseja que ninguém se perca, ainda que muitos não o aceitem e não se salvem infelizmente, mas o foco é que se Deus é por nós, quem será contra nós? Nada poderá acontecer sem a permissão dEle. Assim nos resta fazer e viver aquela conhecida oração da serenidade:


Deus, conceda-me a serenidade

para aceitar as coisas que não posso mudar,

a coragem para mudar as coisas que posso

e a sabedoria para discernir uma da outra.


Deus já abençoou a sua vida.


Abraços.


Adicionar um título (1).png

© 2020 by  ShockWave Radio.

Faça parte de nossa Newsletter e receba as últimas notícias do Brasil e do Mundo