slider-1.png
  • Davi Eler

Culto Ao Sexo


Um dos pecados capitais é a luxúria, a transgressão sexual, a Bíblia nos diz várias vezes da importância da pureza nessa área, muitos problemas podem decorrer da falta de compromisso com este mandamento divino. Importante ressaltarmos que este problema sempre existiu entre os Homens, desde a era pré-diluviana.


Contudo, é um fato que este tema parece ter piorado nos dias atuais, vemos cada vez mais incentivo, inclusive estatal, para que as pessoas pratiquem impurezas sexuais, como a sodomia, a masturbação, a prostituição, o adultério e o deitar-se com várias pessoas. Essa é a triste realidade que vemos nos filmes, nas series, novelas, revistas em quadrinhos, mangás, livros e até mesmo na música, uma cultura inundada com apologias à esses pecados sexuais.


Nós perdemos o real significado do sexo, do amor e do casamento, esses três símbolos foram deturpados, deixamos que os anti-cristãos tomassem espaço e agora eles conseguem manipular o imaginário da população com extrema facilidade. O cristianismo já teve o domínio da cultura, na idade média principalmente, e neste período estes pecados eram condenados na arte, na literatura, na filosofia e nas leis (época boa em que o estado era cristão, e não o oposto como é hoje). Atualmente a pederastia e a prostituição, por exemplo, são colocados como algo belo e almejável para a humanidade. Em uma música chamada “A violência travestida faz seu trottoir” do compositor Humberto Gessinger, ele diz a seguinte frase Na procura doentia de qualquer prazer”, ela encaixa perfeitamente com que eu estou dizendo aqui, nossa sociedade criou uma cultura de busca doentia pelo pecado, sendo que antes era o exato oposto, nós almejávamos as coisas divinas.


Eu já cansei de ouvir histórias e ajudar pessoas que se achavam sodomitas por exclusiva pressão do grupo. Cheguei a escutar frases como: “Beijei ele para as pessoas não me olharem estranho, com desdém”, essa é a realidade da cultura em que vivemos, um lugar onde a moralidade cristã é vista como o mais baixo nível ético. O cristianismo é o maior inimigo da natureza humana caída, as verdades bíblicas são ofensivas aos ouvidos dos ímpios, são as maiores ofensas que poderiam ouvir em suas vidas, então eles tentam destruir a Bíblia e seus seguidores, pois para eles somos apoiadores dessa ofensa aos “Direitos Humanos”.


Eu já estou preparado para haja uma lei que obrigue os pastores a casar pederastas, e caso não o façam serão presos por “homofobia”. O caminho para isto está asfaltado, sinalizado e tem até fiscalização, prontinho para inauguração. O estado hoje não só deixou de ser contra, mas passou a promover e incentivar (financeiramente em muitas vezes) esses pecados sexuais. Porém não é somente a sodomia, também temos a promoção da prostituição (que por enquanto não é incentivada de forma estatal), que vem através da cultura com filmes como, Bruna Surfistinha e companhia, que passam a impressão de que a vida de uma prostituta ou atriz pornô é uma maravilha. É cada vez mais frequente vermos esses programas de podcast ou de talkshow na televisão, entrevistarem atores pornôs, mostrando essas pessoas como exemplos a serem seguidos. Um absurdo completo. Como que uma pessoa que produz conteúdo imoral e prejudicial à saúde do espectador e também ao convívio social, pode ser alvo de alguma coisa sem ser, evitarmos totalmente nos tornarmos como ela.


Todavia, não temos somente esses dois problemas, um gravíssimo óbice é a masturbação. Para compreender um pouco mais sobre este tema acesse este

artigo


Este o cenário que temos há muito tempo em nosso país. Esse terrível ato, do teatro que é a nossa história, será longo ou conseguiremos acabar com ele em breve? Trabalhemos para mudar o que vemos na cultura, não podemos mais deixar que esses pecados sejam disseminados com tanta normalidade em nossa sociedade. Lutemos pelas verdades bíblicas, mesmo que paguemos com nossas vidas, eu e você na linha de frente pelo cristianismo. Que essa seja a bandeira de nossas vidas, que sejamos conhecidos por defender essa verdade independente do sacrifício que for necessário.

Fiquem com Deus e até a próxima.