slider-1.png
  • Shock Wave News

Meu querido Deus



Por Júlia Coelho


Eu te ofereço tão pouco, ó Senhor!

Tão pouco eu te dou,

E tão muito eu te peço.

Desculpe-me por minha pequenez

Perdoe-me Pai

Meu coração se entristece tanto quando percebe isso,

Um aperto no peito se dá.


Por favor Senhor, não me abandone!

Não me abandone, me ajude!

Entrego minha vida à Tua vontade.

Desesperadamente eu te peço: não me abandones!

Faça em mim a Tua Vontade.

Meu coração deseja profundamente conhecer-te

Juntar-me a Ti em Teu Reino

E nunca mais sair.


Tire de mim todo mal que há penetrado em minha carne

Me livra da vaidade, da raiva, de todo o mal entranhado em minha carne.

O que está em jogo é muito sério

Entre a morte eterna e a vida eterna,

Sem pensar duas vezes eu escolho a vida

A pergunta é: terei eu direito a ela?

Tu sempre me atendes tão prontamente

Tão carinhosamente

Meu querido Deus.