slider-1.png
  • Shock Wave News

Júlio Chaves, dublador, morre aos 76 anos


Júlio Chaves, ator e dublador, morreu nesta terça-feira (10), aos 76 anos, por complicações da Covid-19. O artista era conhecido por sua voz em diversos personagens, dentre eles Marlin, em “Procurando Nemo”, Vô Max, de “Ben 10”, o Arqueiro Verde, tio Valter na franquia “Harry Potter” e de ser a “voz” de Mel Gibson no Brasil.


A notícia foi dada por Guilherme Briggs, que também é dublador. “Perdemos mais um querido amigo dublador. Júlio Chaves, a eterna voz do Mel Gibson faleceu, vítima do Covid. Ele já estava internado tem alguns dias. Eu não sei mais o que dizer ou sentir, só tristeza. Descanse em paz, Julinho, muito obrigado por tanto carinho comigo sempre”, escreveu Guilherme no Twitter. Nascido no Rio de Janeiro, Júlio começou com a carreira de dublagem em 1970, nos estúdios Herbert Richers.

Perdemos mais um querido amigo dublador. Júlio Chaves, a eterna voz do Mel Gibson faleceu, vítima do Covid. Ele já estava internado tem alguns dias. Eu não sei mais o que dizer ou sentir, só tristeza. Descanse em paz, Julinho, muito obrigado por tanto carinho comigo sempre.

O dublador também fez a voz de vários personagens de jogos, e além do Kassadin e Xin Zhao no LoL, ele também dublou o Joalheiro e Diablo III, Bill em The Last of Us, Malfurion TempesFúria em World of Warcraft, Arqueiro verde na franquia Injustice.