• Shock Wave News

Juiz Roberts deve sair se ele não assumir o caso de fraude eleitoral

Sidney Powell, advogada da equipe jurídica do presidente Trump, afirma que as evidências de fraude eleitoral são tão esmagadoras que a Suprema Corte não terá escolha a não ser aceitar o caso.



Powell foi ao Rush Limbaugh Show e disse que os estados deveriam repensar sua ânsia de certificar os resultados das eleições, dadas as evidências "esmagadoras" de fraude eleitoral.


“Eu acho que as evidências serão tão esmagadoras, e eu alertaria qualquer estado agora que pensa que vai certificar esta eleição para repensar muito a sério. Porque o que eles estão certificando é sua própria fraude e sua própria cumplicidade na fraude ”, disse Powell.


Powell também observou que, se o presidente da Suprema Corte, John Roberts, se recusar a aceitar esse caso massivo, ele deveria sofrer um impeachment.


“Se isso não for o suficiente para ele aceitar o caso, ele deve ser afastado”, disse Powell.


“O presidente Trump venceu não apenas por centenas de milhares de votos, mas por milhões de votos que foram trocados por este software que foi projetado expressamente para esse fim”, Powell disse.


“Juntamos depoimentos de testemunhas sobre a fraude e erros no software, que foi projetado para fraudar eleições. Ele (Roberts) viu isso acontecer em outros países. E foi exportado internacionalmente com fins lucrativos pelas pessoas que estão por trás da Smartmatic e da Dominion. ”, afirmou Powell durante a entrevista.