• Shock Wave News

O QUE REALMENTE FOI A ONDA CONSERVADORA


As vitórias eleitorais de Donald Trump e Bolsonaro, em 2016 e 2018, respectivamente, aconteceram num momento que foi chamado de "Onda Conservadora". Uma reação do cidadão comum ao esquerdismo e ao progressismo. Uma guinada política provocada pela maioria silenciosa, disseram muitos entusiastas. A verdade é que o tempo passou, a direita se divertiu e acreditou que "é tudo nosso, é só ir buscar" (parafraseando um vídeo d´Os Brasileirinhos). Ledo engano.


Trump achou que bastava seu carisma e seus bons resultados para levar mais uma eleição. Descobriu - mas não há indícios de que tenha aprendido - que não adianta jogar limpo contra um inimigo que não prima pelo respeito a regras e tradições. Aqui, o velho Bolsonaro foi sendo cerceado, tolhido, enquadrado. Receoso de parecer autoritário, foi cedendo aqui, ali e acolá. Rendeu-se ao Centrão e à velha política que dizia combater. Está entregando nossas crianças à sede doutrinária LGBT e feminista de Damares e cia. Está entregando o Brasil para uma potência estrangeira com um sorriso franco no rosto. Está entregando nosso povo para ser cobaia de vacinas mal testadas.


Bolsonaro nunca deixou de ser um tiozão do churrasco. Um cara simples, pacato, que só quer fazer seu trabalhinho, marcar presença no serviço, chegar em casa, dar um cheirinho na esposa, brincar com as crianças, bater uma bolinha, pescar, pedalar, curtir um churrasquinho. O erro foi ter acreditado - junto com todos nós - de que seria um elemento firme e corajoso para enfrentar o sistema, amparado por um apoio popular que líder algum jamais teve ou terá.


Em todo o mundo, Big Techs, globalistas, imperialistas, Big Pharma, mega-capitalistas, tiranos mandam e desmandam em escala inimaginável em um período curto de tempo. Bastou uma doença que a todos apavorasse para terminar de adestrar uma humanidade de covardes, acomodados e iludidos.


Com tudo isso, pode-se já encarar a tal "onda conservadora" como o que realmente parece que ela foi: O canto do cisne do conservadorismo ou da liberdade do cidadão comum. Despertamos tarde demais.

Adicionar um título (1).png

© 2020 by  ShockWave Radio.

Faça parte de nossa Newsletter e receba as últimas notícias do Brasil e do Mundo