• Evandro Pontes

Senado está próximo de formar maioria sobre fraude eleitoral


Hoje o Senado já conta com 49 senadores que não reconhecem a decantada e auto-declarada vitória de Joe Biden.


A situação da eleição americana começa a tomar contornos mais robustos, até sob o aspecto político, que o consilium fraudis dominandi interferiu na vontade popular.


Como tenho dito, se a materialidade da fraude extrapolar para um âmbito consistente de subversão da vontade popular, as eleições ficam juridicamente comprometidas.


Ainda que Biden seja convencionado "vencedor", não deverá suportar a pressão que irá pairar sobre a legitimidade de seu suposto mandato.


Desta forma, Bolsonaro está correto em não reconhecer esse resultado e deve se manter firme até que as denúncias de fraude sejam apuradas e solucionadas.

1 comentário
Adicionar um título (1).png

© 2020 by  ShockWave Radio.

Faça parte de nossa Newsletter e receba as últimas notícias do Brasil e do Mundo