• Amandaverso

Terrorista de Viena enganou o programa de desradicalização da prisão.

O terrorista islâmico Kujtim Fejzulai enganou as autoridades austríacas, que administravam um programa de desradicalização do qual participava antes de sua libertação antecipada da prisão, fazendo-os pensar que havia mudado.


Fejzulai, de 20 anos, que matou quatro e feriu 22 durante um tiroteio em Viena na segunda-feira, foi posteriormente confirmado  como condenado por crimes de terrorismo em abril de 2019, depois de tentar viajar para a Síria para ingressar no Estado Islâmico.





Em 2018, ele viajou para a Turquia, mas a polícia turca o prendeu dois dias depois em um esconderijo jihadista. Ele foi preso na Turquia por quatro meses antes de ser deportado para a Áustria.


Considerado como um “jovem adulto”, ele só foi submetido aos tribunais de menores da Áustria e foi libertado condicionalmente apenas 14 meses após cumprir sua sentença de 22 meses.


As autoridades agora revelaram que ele estava em um programa de desradicalização enquanto estava na prisão e conseguiu enganar seu oficial de condicional para que decidisse que ele não era mais uma ameaça terrorista.


A emissora ORF relata que sem a decisão do painel de desradicalização, Fejzulai não teria sido elegível para liberdade condicional antecipada em 5 de dezembro de 2019.


O diretor-geral de Segurança Pública, Franz Ruf, disse que o jihadista “mostrou-se reformado” e “aparentemente cumpriu todas as condições - nomeadamente as do serviço de liberdade condicional e do programa de desradicalização”.


O ministro do Interior, Karl Nehammer, observou que o terrorista havia conseguido “enganar o programa de desradicalização do judiciário”.


Este não é o primeiro caso na Europa de terrorista que consegue enganar o sistema e, assim que é libertado, comete atos de violência. A islamização ocidental promovida por globalistas mostra mais uma vez qual é a sua verdadeira intenção: derrubar nossa cultura e tradição pelo medo e terror.


A pergunta mais importante é: vamos continuar no pacifismo e deixaremos que nos domine, ou vamos reagir?


Com informações do Breitbart.



Adicionar um título (1).png

© 2020 by  ShockWave Radio.

Faça parte de nossa Newsletter e receba as últimas notícias do Brasil e do Mundo